Barros Licença: É preciso fomentar e incentivar actividades criadoras

51 2021-04-26 09:18:37 Arte & Cultura
Hoje é o Dia Mundial da Propriedade Intelectual. Actualmente, a questão tem sido bastante debatida por criadores angolanos, desde os industriais aos de arte, como forma de poderem salvaguardar os frutos da sua criatividade. Para falar do assunto, o Jornal de Angola entrevistou o director do Serviço Nacional dos Direitos de Autor e Conexos (SENADIAC), Barros Licença, instituição responsável por este sector a nível nacional

Na verdade, quando se ouve dizer que a lei não funciona, o que se está a reclamar é a não aplicação da lei, as instituições não estão a funcionar como devem. Esta situação da não aplicabilidade da lei e do não funcionamento efectivo das instituições reinou até antes da sua regulamentação, pois os últimos diplomas foram aprovados no segundo semestre de 2019. Deve-se reconhecer que antes não era possível aplicar a Lei n.º 15/14 de protecção e defesa dos direitos de autor e conexos.

Clica aqui para ler mais Partilha Agora

Artigos Relacionados